• Tromilux

Como é que a Iluminação influencia o nosso estado de espírito?



Já todos sabemos que a iluminação tem um impacto profundo nas nossas vidas. Ajuda-nos a ter uma visão melhor do mundo e do que nos rodeia. Vários estudos sugerem que a iluminação afeta vários fatores biológicos, mentais e emocionais e pode contribuir diretamente para o nosso humor e produtividade.


Se compreendermos corretamente como a luz afeta ou influencia o nosso estado de espírito e o nosso comportamento, podemos criar espaços que nos permitem ser mais criativos, enérgicos e produtivos. Se notar que o seu estado de espírito muda, ao entrar em sua casa ou no seu escritório, então pode ser um sinal que deve mudar a sua iluminação.


1. Maximiza as emoções


Um estudo de 2014 mostrou que quando estamos sob luzes fortes as nossas emoções, tanto negativas como positivas, aumentam. Os pesquisadores pediram aos voluntários que avaliassem a agressividade de uma pessoa fictícia, a atratividade de três mulheres, o apelo de diferentes molhos picantes e que relatassem como se sentiram em relação a uma série de palavras positivas, negativas e neutras. No geral, os voluntários sentados na sala com luzes mais fortes julgaram a personagem como mais agressiva, as mulheres como mais atraentes, expressaram preferência por molhos mais picantes e tinham opiniões mais fortes a respeito das palavras positivas e negativas, comparados com os que estavam numa sala mal iluminada.


2. Melhora o nosso humor


A iluminação não se limita apenas às luminárias instaladas em nossas casas. Um pouco de luz do sol durante o dia pode ter um impacto positivo na forma como nos sentimos ao longo do dia. Um estudo de 2014 descobriu que indivíduos com janelas nos escritórios dormiam e exercitavam-se mais do que os colegas de trabalho que não as têm. Os pesquisadores concluíram que a exposição à luz natural ajuda o nosso corpo a manter o ritmo circadiano natural, permitindo-nos sentir mais energéticos e alertas.


3. Afeta o nosso apetite


É verdade, a luz afeta o nosso apetite, o que consumimos e quanto consumimos. Restaurantes requintados, com pouca iluminação podem fazer com que coma mais devagar. Por outro lado, as luzes fortes de restaurante de fast food, podem fazer com que coma mais rápido e que opte por alimentos menos saudáveis. A iluminação também afeta a forma como saboreamos as coisas. Um estudo realizado em 2009 descobriu que que a iluminação de fundo afetou o quanto um grupo de voluntários gostou de uma determinada marca de vinho, devido à forma como a iluminação diferente influenciava a sua cor.


4. Alivia os sintomas da depressão


O tipo de iluminação com que nos rodeamos afeta a nossa saúde mental a curto e longo prazo. Um estudo de 2013 descobriu que pessoas que sofrem de depressão e deficiência de vitamina D beneficiam da luz solar natural. Naturalmente, a luz solar não tem a capacidade de curar uma depressão sozinha, no entanto, estudos indicam que pode mitigar os seus sintomas, ao impactar o nosso ritmo circadiano e ao melhorar a nossa sensação de bem-estar.


Outro estudo de 2015 corroborou estes resultados, mas em vez de passar mais tempo ao ar livre, os voluntários participaram em terapia de luz, um processo que envolve a exposição regular e prolongada a lâmpadas projetadas para imitar a luz natural externa. Os pesquisadores descobriram que uma combinação de fototerapia e antidepressivos foi significativamente mais eficaz no tratamento da depressão comparativamente à utilização apenas de antidepressivos.


5. Causa sonolência e fadiga


Funcionários fatigados tendem a recorrer a distrações como jogos, redes sociais, música ou YouTube para sair da monotonia. No entanto, uma mudança na iluminação pode ajudar aumentar a motivação. Permitir a entrada de luz natural ajuda a nossa visão, melhora o nosso humor e aumenta os nossos níveis de energia. Tudo isto ajuda a manter os funcionários felizes e encoraja-os a seguir com as suas tarefas.



Já conhecia todos os diferentes efeitos que a iluminação pode ter no nosso estado de espírito? Diga-nos tudo!

0 comentário