• Tromilux

Os riscos associados a uma má iluminação no local de trabalho

Atualizado: Jun 26

Uma iluminação adequada é extremamente importante no contexto do trabalho pois ajuda na realização das nossas tarefas diárias. No entanto, por vezes o planeamento e organização da iluminação acabam por ser deixados para segundo plano. Isto frequentemente resulta em espaços mal iluminados.




Quando os níveis de iluminação não são adequados (demasiado baixos, altos ou inconsistentes), a nossa capacidade de executar tarefas com segurança fica comprometida. Isto prejudica a saúde e produtividade dos funcionários, e consequentemente o sucesso dos negócios. De facto, a quantidade, qualidade e a precisão do trabalho de um funcionário vão diminuir significativamente se a iluminação for inadequada.


Adicionalmente, uma iluminação inapropriada numa zona de trabalho é algo extremamente perigoso e pode ter consequências graves para os seus funcionários, nomeadamente:

  • Dores de cabeça

  • Problemas de visão

  • Má postura

  • Depressão

  • Acidentes de trabalho



Sem uma iluminação adequada, é difícil perceber a profundidade, a proximidade e a velocidade dos objetos e das pessoas à nossa volta. Por consequência, aumentam as hipóteses de os funcionários caírem, tropeçarem, escorregarem ou deixarem cair ferramentas. Isto é particularmente preocupante quando se trata de uma fábrica, onde as ferramentas, máquinas e produtos podem ter características perigosas e acidentes deste género podem efetivamente colocar a vida dos funcionários em risco. Para além disso, uma iluminação inadequada pode dificultar a localização dos materiais e aumentar o tempo de utilização dos mesmos, ou de ferramentas e equipamentos em movimento, diminuindo a produtividade.



Já no caso de um escritório, é comum os funcionários queixarem-se de olhos cansados, dores de cabeça, tensão nos ombros e costas. Todos estes sintomas poderão ser consequência de uma iluminação indevida, que resulta num esforço superior da visão e na adoção de posturas corporais inadequadas. Para além das incomodativas dores de cabeça, isto poderá também afetar a produtividade dos funcionários e provocar um maior número de erros no trabalho.


Os níveis de iluminação devem ser estabelecidos tendo em conta o local de trabalho e as tarefas que serão executadas no mesmo. Como orientação geral, a lista seguinte propõe os níveis de iluminação adequados para vários tipos de tarefas:


  • Espaços públicos com ambientes escuros - 30 lux

  • Orientação para visitas temporárias curtas - 50 lux

  • Espaços de trabalho onde tarefas visuais são executadas ocasionalmente - 100 lux

  • Realização de tarefas visuais de alto contraste ou larga escala - 300 lux

  • Realização de tarefas visuais de médio contraste ou tamanho pequeno - 500 lux

  • Realização de tarefas visuais de baixo contraste ou tamanho muito pequeno - 1000 lux

*Modificado de: IESNA Lighting Handbook. 9th ed. Illuminating Engineering Society of North America, 2000. p. 10-13.



Portanto, ao planear um sistema de iluminação de um local de trabalho é importante ter em consideração a segurança dos funcionários e:

  • Projetar uma iluminação coesa, que evite o cansaço visual;

  • Utilizar uma temperatura de cor que promova uma sensação de bem-estar e estimule a produtividade;

  • Projetar uma iluminação de emergência adequada;

  • Verificar se a iluminação é suficiente para evitar acidentes de trabalho.


A saúde e bem-estar dos seus funcionários agradece!



Já sabia que a iluminação tem uma influência tão significativa na nossa saúde e bem-estar? Já sentiu algum destes sintomas durante um dia de trabalho?


Diga-nos tudo nos comentários!


  • Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
iluminação portuguesa fabricante nacional tromilux logo